Dificuldade em esperar recompensas no cotidiano: um problema para obesos e portadores de TDAH - Artigos | NeuroSaber

Dificuldade em esperar recompensas no cotidiano: um problema para obesos e portadores de TDAH

obesidade-infantil

Pesquisas têm demonstrado cada vez mais que a dificuldade em esperar recompensas, gratificações e o cumprimento de expectativas positivas frente a atividades do cotidiano unem pacientes obesos e portadores de TDAH.  Tanto um grupo quanto o outro apresentam problemas em tentar se controlar quando querem algo ou almejam atingir logo um objetivo.

A busca desenfreada por urgente gratificação costuma levar a muitos problemas no cotidiano, como decisões precipitadas, falas inoportunas durante diálogos, impulsividade motora, reações emocionais exacerbadas e sintomas opositivo-desafiadores. Nos obesos, a busca pelo alimento pode ser interpretada como um atalho para reduzir o sofrimento de esperar gratificações. No TDAH, mudanças de humor, envolvimento com delinquência, drogadição e abandono de atividades sem recompensa imediata.

Estudos desenvolvidos no Centro de Pesquisa em Dependência Química da McMaster University e no  St. Joseph’s Healthcare Hamilton com publicações no periódico Biological Psychiatry: Cognitive Neuroscience and Neuroimaging e Psychological Medicine  têm mostrado também a associação frequente de TDAH com obesidade e a causa seria esta dificuldade em esperar recompensas.

Trabalhos têm mostrado que o TDAH aumenta em três vezes o risco de obesidade e está consolidado na literatura o risco maior de se envolver com drogas lícitas ou ilícitas. Para mais informações, acessem!

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

©2016 NeuroSaber todos os direitos reservados.

Desenvolvido por:  Agência Primage

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?