Melhorando a atenção do seu aluno: dicas práticas – Artigos | NeuroSaber

Melhorando a atenção do seu aluno: dicas práticas

Atenção do Aluno na Escola

Fazer com que os alunos prestem atenção durante a aula é, sem dúvida, um dos maiores desafios dos professores. Isso por que nem sempre é uma tarefa fácil manter o interesse de uma turma inteira de estudantes.

Essa tarefa pode ficar ainda mais complicada quando se aproximam as férias ou mesmo quando o horário do intervalo está chegando. O que você talvez não saiba é que existem dicas práticas que podem ajudar você a melhorar a atenção do seu aluno.

Veja agora algumas dicas práticas para melhorar a atenção do seu aluno:

  • Repetição
    Pode parecer uma grande bobagem mas fazer os alunos repetirem as informações que você está fornecendo pode ajudar, e muito, a mantê-los interessados e participando da aula. Isso por que quando você coloca um aluno em destaque, cobrando dele o conteúdo, faz com que ele fique atento para saber do que se trata aula para poder responder futuramente.
  • Demonstre
    Demonstrar que a falta de interesse e atenção deles incomoda você como professor é uma ótima estratégia. Mas nada de fazer isso com gritos ou descontrole. Apenas aponte para o aluno que está disperso e mostre como ele atrapalha o desempenho da aula e dos colegas.
  • Ande e se movimente
    Transitar entre as classes também ajuda a melhorar o atenção do seu aluno pois você se aproxima dele deixando tudo muito mais pessoal e menos formal.
    Não seja uma estátua. Não fique comente sentado ou parado na frente da sala. Interagir também é uma forma de conquistar a atenção.
  • Debata
    O debate é sempre uma ótima estratégia para melhorar a atenção do seu aluno. Isso por que os jovens gostam de mostrar sua opinião e se sentem importantes podendo fazer isso.
    Além disso aprender a debater é uma prática fundamental para a vida e torna as pessoas menos combativas.
  • Conquiste e interesse
    Apresentar conteúdos novos, interessantes e que fujam do bê a bá convencional é uma excelente opção para melhorar a atenção do seu aluno.
    Tente levar apresentações interessantes, áudios, vídeos e promova atividade interessantes.
  • Descubra
    Não pense que você como professor deve ficar sempre no mesmo lugar de conforto. Para melhorar a atenção do seu aluno é fundamental que você também se interesse por ele.
    Então descubra do que seus alunos gostam, quais são os seus interesses e como isso pode ser utilizado para tornar a aula mais atrativa.
  • Desafie e problematize
    Oferecer problemas e desafiar os alunos através de competições motiva os alunos a prestarem mais atenção ao conteúdo para serem capazes de resolver as situações propostas sozinhos.
    Fique atento e não dê respostas, apenas guie-os a descobri-las.
  • Personalize
    Cada aluno é um indivíduo diferente do outro e é assim que ele deve ser tratado. Assim sendo, identifique quais são os problemas mais frequentes e converse com cada aluno em particular, de forma amigável e sincera.
  • Atente-se às distrações
    Obviamente que nenhum professor gosta de ser repetitivo ou chato limitando, por exemplo, os uso celulares pelos alunos mas isso é fundamental em determinadas vezes.
    Por isso limite o acesso à certos tipos de distrações e algumas vezes tente incluí-las na rotina.
  • Saiba parar
    Entenda que pequenos momentos de pausa durante a aula não são um prejuízo e sim uma estratégia importante para melhorar a atenção do seu aluno para que a aula não fique cansativa.
  • Interaja
    Pedir a opinião dos alunos sobre as aulas ou determinados assuntos e também promover jogos em sala de aula pode ajudar muito a fazer com que se mantenham atentos.
    Além de pedir a opinião deles sobre as aulas é importante que você aceite o que disseram e demostre que tem interesse em mudar e melhorar.

Aproveite essas dicas para melhorar a atenção do seu aluno e tenha uma sala de aula mais produtiva.

6 Comentários
  1. GENI SANTOS DE OLIVEIRA PINTO 3 meses atrás

    AMEI A MATERIA. MUITO BEM ELABORA E A EXPLICAÇÃO SIMPLES NOS FAZ ASSIMILAR O CONTEÚDO COM FACILIDADE

  2. sirlene 3 meses atrás

    Gostei bastante das dicas;

    Agradeço a Neuro saber pela publicações dos artigos.

  3. Ivete 3 meses atrás

    Estou adorando todo o conteúdo desse site.
    Tenho um filho de 8 anos com TDAH e que também foi diagnosticado com TOD, mas pelas característica aqui expostas, vejo que é bem mais leve.
    De qualquer forma, junto ao colégio e um grupo multidisciplinar (coordenadora, professora, neuropediatra e fono) estamos trabalhando com ele.
    No momento, chegamos a conclusão que temos que entrar com a terapia cognitiva, mas infelizmente, estamos sem recursos… 🙁
    Por isso, venho buscando muitas informações especializadas a respeito.
    Não sei se vocês tem alguma material específico para terapia cognitiva, onde eu possa ler, ver ou ouvir e tentar aplicar algumas dicas no meu dia a a dia com ele.

    Outra coisa, referente ao texto acima (Como melhorar a atenção na aprendizagem), gostaria de obter algo referente a estratégias que eu, como mãe, posso usar e aplicar ao sentar para acompanhar as lições de casa. Principalmente com as de texto, interpretações e tal, conforme descrito em outros artigos e sabido por todos que entendem um pouco sobre o déficit de atenção. Vocês tem?

    Obrigada pela atenção e continuem com o trabalho de vocês!!!! Acho de imensa valia, além de um carinho imenso para os pais que ou são leigos ou que precisam de ajuda e não sabem ou no momento, financeiramente se sentem impossibilidades de obter esse respaldo, pois muitos profissionais da área só passam essas informações mediante consulta, sendo que, como sabemos, os profissionais são importantes no acompanhamento e a longo prazo, não apenas no diagnóstico. Só tenho a agradecer! Parabéns pelo excelente trabalho e o olhar ao próximo como ser humano, seja ele o paciente ou a família, a escola, os amigos.

    Um beijo e até!

    Ivete Glinglani (11) 97627-4636

  4. Francisca Maria Moreira Moiola 3 meses atrás

    Bastante esclarecedora a matéria, com certeza contribuirá para melhorar a prática de todos/as.

    Parabéns, excelente material!

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

©2016 NeuroSaber todos os direitos reservados.

Desenvolvido por:  Agência Primage

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?