Atividades para Alunos Hiperativos

Atividades para alunos hiperativos na educação infantil

Todos nós sabemos que conduzir uma turma já é um desafio por si só. Agora, e quando contamos com a presença de alunos hiperativos? O que podemos fazer para lidar com todos os estudantes sem prejudicar ninguém? Bom, essas situações são frequentes na educação infantil.

Mesmo assim, os educadores precisam de um suporte para exercer suas funções com eficiência e efetividade. No artigo de hoje vamos mostrar algumas atividades que podem ser usadas para alunos hiperativos.

Características dos alunos hiperativos

Essas crianças geralmente não conseguem ficar muito tempo caladas ou quietas em seu lugar. Além disso, elas costumam falar pelos demais coleguinhas, por não saber esperar a sua vez.

Outra característica que podemos perceber em alunos hiperativos na educação infantil é que eles não conseguem prestar atenção àquilo que não é do seu interesse direto. Isso faz que muitas atividades iniciadas fiquem pela metade. Por isso é importante contar com tarefas onde eles terão chances de se interessar e concluir o que se pede. Vejam abaixo.

Jogo de memória

O jogo da memória é excelente por estimular habilidades como o pensamento, a memorização, a identificação de figuras; o estabelecimento do conceito de igual e diferente; a orientação espacial, entre outros.

Pintura e argila

Brincadeiras com pintura e argila proporcionam às crianças com TDAH a oportunidade de se expressarem por outros meios que não sejam necessariamente a comunicação verbal. Pintura e argila também colaboram com a autoconfiança, pois não há nenhuma abordagem adequada ou errada em utilizar os materiais.

Montando blocos

Muitos de nós já brincamos com aqueles famosos blocos de construção. Isso faz muito bem. Vale dizer que crianças com TDAH podem ter dificuldade de completar algumas tarefas, trazendo consequentemente frustrações e impaciência. Os brinquedos de montar são fáceis de usar e têm peças que possibilitam o manuseio. Importante notar que isso ajuda as crianças a criarem uma estrutura única em um tempo curto, o que pode ajudá-la a adquirir confiança.

Prática de esporte

Crianças com TDAH devem praticar esporte. Melhor ainda quando praticados coletivamente. Os pequenos gastam muita energia e aprendem a obedecer regras; a seguir orientações, etc.

Incentivando a leitura das crianças

Nada melhor que praticar a leitura com seus filhos. É aconselhável que vocês escolham livros com letras grandes e frases curtas, além de optar por aqueles que tenham muitas figuras, histórias curtas e interessantes para atrair o pequeno. Isso ajuda seu pequeno a permanecer mais concentrado por muito mais tempo. Livros com conteúdo lúdico são altamente indicados.

Livros para colorir

O que veio para suprir a ansiedade dos adultos pode também ter grande utilidade para as crianças com TDAH. Esses livros são excelentes para desacelerar a impulsividade, além de ser uma ótima terapia e sem contraindicações.

Montando quebra-cabeça

O quebra-cabeça é uma brincadeira que desafia a inteligência da criança com TDAH e as demais que vivem sem o transtorno. Deve-se ressaltar que a atividade estimula o pensamento lógico, a composição e decomposição de figuras, discriminação visual, atenção e a concentração.

Adivinhação

A adivinhação é responsável por estimular uma série de aspectos: pensamento lógico, o reconhecimento do todo por uma parte, a dedução, a atenção, a observação, a nomeação e a discriminação visual. Os pequenos podem descobrir, por meio da atividade, que poderão alcançar resultados mais satisfatórios, sobretudo se fizerem perguntas mais objetivas.

Morto-vivo

Brincar de morto-vivo é fundamental para estimular a concentração e o controle da impulsividade do pequeno, além de ser muito divertido.

Estátua

Assim como a atividade acima, a brincadeira de estátua também é ótima para a atenção e o controle do impulso. As crianças passam a desenvolver essas habilidades de maneira tranquila quanto mais desenvolvidas elas ficam.

Essas atividades devem ser sempre realizadas com a orientação de um terapeuta para que elas tenham ainda mais eficácia.

 

 

Compartilhe este artigo

Comments 10

  1. Eu sou muito grata por cada orientação que recebo da Neurosaber, fico feliz quando leio os artigos e deles tiro várias dúvidas, com meu aprendizado faço meus atendimentos com clínico com minhas crianças. Ione Evangelista Psicopedagoga.

  2. excelentes matérias que nos dá uma noção dos problemas neurológicos e como lidar em certas situações
    obrigada..Luciana Brites , amo as suas matérias deus te abençoes grandemente

  3. Excelente material. A contribuicao de vocês nesse tema é admirável. Parabéns e muito obrigada.

    1. Suporte Neurosaber

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *