Atividades para o desenvolvimento de fluência leitora

Um dos principais desafios de alunos é a leitura, mas é preciso ter em mente que o ato de ler pura e simplesmente não é o objetivo de educadores. A meta é estimular a compreensão, o conhecimento da proposta de leitura e, com isso, deixar a criança inteirada acerca do que está reproduzindo através da prática de ler para si e para outros. Isso significa fluência leitora.

No entanto, nota-se a necessidade de um acompanhamento sistematizado dos professores, através de técnicas que visam ao aperfeiçoamento de ler para compreender. Existem atividades eficazes, cuja eficiência traz aos alunos a facilidade ao se depararem com textos variados.

Fluência leitora para todas as crianças?

É importante salientar que para considerarmos a fluência leitora do estudante, é preciso que ele já tenha domínio dos códigos, conquistado a base alfabética do sistema de escrita. Quando a criança, por exemplo, ainda não adquiriu esse controle sobre os significados e exerce a leitura na base ‘palavra por palavra’; ela tende a não ter a compreensão necessária sobre o texto.

Diante do exposto, mostraremos aqui algumas atividades para o desenvolvimento de fluência leitora e como essa habilidade pode melhorar a relação do aluno com a educação, a cultura e o ambiente que a cerca.

Estabelecendo a confiança na leitura

Uma das maneiras mais eficientes de induzir a fluência da leitura nos alunos é propor a eles o exercício de ler em voz alta para que todos possam acompanhar. Em princípio, isso pode deixar a criança meio encabulada, mas com o tempo ela passará a ter mais confiança na hora de ler para sua turma. Além disso, quando o professor estabelece esse treinamento, os alunos conseguem exercitar a fluência leitora com eficácia.

Outro detalhe que deve ser ressaltado é o fato de tal prática estimular a compreensão do texto, uma vez que ler para outras pessoas exige determinada concentração, habilidade e até expressividade para transmitir o conteúdo. Isso está ligado também a alguns fatores como entonação e ritmo ao pronunciar as palavras.

Sarau com a turma

Nada mais lúdico que um sarau, principalmente se for com a turma inteira. Afinal, o objetivo do evento é proporcionar uma leitura mais incrementada e que induza os alunos a dramatização dos textos lidos. Vale ressaltar que isso estimula de maneira considerável a fluência leitora dos estudantes. Saraus podem contar também com outros elementos, como músicas de fundo. A leitura de contos e poesias é uma regra nesses encontros.

Leitura teatral com as crianças

A fluência leitora é caracterizada, dentre vários aspectos, pelo trabalho com a entonação e o ritmo empregados na prática da leitura. Sendo assim, a escolha de textos dramáticos (acompanhando a faixa etária dos alunos) é uma atividade muito boa, tendo em vista o trabalho com a interpretação que os pequenos podem adquirir.

Essa leitura é composta de outros elementos que reforçam a interpretação (além da entonação e ritmo, mencionados acima) como expressões faciais e gestos.

Lendo a própria história

A proposta de agora é solicitar que as crianças escrevam o que aconteceu no último final de semana/ férias. A partir dessa produção de textos, cada um deve ler em voz alta o que acabara de escrever. Além de tal atividade estimular a habilidade da escrita, o fato de estudantes lerem seu próprio texto também fará com que haja maior concentração no exercício de leitura.

 

Luciana Brites Psicomotricista

 

Compartilhe este artigo

Comments 5

  1. muito bom , pois me preocupo em ver as nossas crianças com tamanha dificuldades e deixar,não tem como.

    1. Adriana Matias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *