O que é Deficiência Intelectual?

A deficiência intelectual é caracterizada pelo funcionamento cognitivo que não corresponde à média esperada, ou seja, que esteja abaixo do que é considerado normal. A dúvida de pais e mães se deve aos campos que podem ser direta ou indiretamente afetados pelo desempenho cerebral da criança, por exemplo.

A questão em si não deve se pautar pela suposição, mas pela certeza de um diagnóstico que seja certificado por um profissional de saúde. Por se tratar de uma limitação que atinge determinadas habilidades da pessoa, é sempre bom lembrar que os casos devem ser analisados de forma isolada pelas peculiaridades que cada paciente tem.

Quais são as causas?

A comunidade médica não trabalha com apenas uma linha de pesquisa para a deficiência intelectual. Pode-se perceber que ela deriva de um aspecto multifatorial, não necessariamente em uma pessoa, mas os diagnósticos de maneira generalizada.

Isso significa que uma criança, cujo resultado tenha sido positivo para a deficiência, apresenta essa característica no desempenho por um ou dois motivos; dos mais variados possíveis. Há que se lembrar que o transtorno tem como ponto de partida o fato de caracterizar uma alteração no desenvolvimento do cérebro do paciente. As causas podem ser originadas, então, por fatores genéticos, problemas ocorridos durante o parto ou na gestação.

Ações preventivas

Há casos que podem ser evitados. Depois do nascimento também existem riscos de o bebê manifestar alguma deficiência intelectual. Um exemplo que muitos pais e mães não sabem é que a exposição ao mercúrio (presente no peixe) pode simbolizar um perigo iminente ao feto, em se tratando do período da gravidez.

Entretanto, após o nascimento, é aconselhável que a criança não se alimente de peixes ricos em mercúrio. Durante a amamentação, é ideal que a mãe também passe longe dessa carne.

Outra ação preventiva é seguir à risca todas as recomendações médicas que o pediatra de sua criança sugerir, assim como as vacinas indicadas pelo profissional. Lembre-se que uma atitude por seu filho faz toda a diferença. Contudo, os casos citados acima servem para aqueles bebês que não receberam o diagnóstico ao nascer.

Sinais indicativos de deficiência intelectual

Quando a criança está acima de 2 anos, ela demonstra familiaridade com algumas atividades e brincadeiras e demonstram reconhecimento das pessoas que fazem parte de seu convívio. Na vida escolar, os pequenos manifestam suas habilidades psicomotoras e pedagógicas. Porém, há sinais que podem indicar que algo não está dentro da normalidade. Vejam alguns abaixo:

  • Falta de interesse pelas atividades dadas em sala de aula;
  • Pouca interação com os colegas e com a professora;
  • Dificuldade em coordenação motora (grossa e fina);
  • Dificuldade para identificar letras, desenvolver a fala de maneira satisfatória (a comunicação é uma das faculdades afetadas);
  • Dificuldade em se adaptar aos mais variados ambientes;
  • Quando a criança perde ou esquece o que já havia aprendido (e demonstrado habilidade);
  • Outros.

Diagnóstico e tratamento

Como dito anteriormente, o diagnóstico deve vir de um profissional da área da saúde, mas o tratamento pode ser realizado por meio de uma equipe multidisciplinar, ou seja, de várias áreas: psicologia, fonoaudiologia, pedagogia, psicopedagogia, terapia ocupacional e muito mais.

Veja também:

Compartilhe este artigo

Comments 38

    1. NeuroSaber Responde
  1. Adoro todas as explicações , vídeos excelentes. Tem ajudado muito a país, profissionais da saúde e educação e aos interessados nos assuntos.
    Obrigada!

    1. NeuroSaber Responde
  2. Bom dia Gostei muito do vídeo do Dr Clay falando sobre a deficiência intelectual.Tenho uma filha de 10 anos com deficiência intelectual leve e o vídeo que vcs fizeram foi muito esclarecedor, mas gostaria de saber mais. E estou nessa luta para ela ter o laudo definitivo.Mas gostaria de saber se aquele exame genético que o geneticista pede mas não consigo lembrar o nome. Que faz o mapeamento genético e diz o que a minha filha tem.Vocês acham que vai ajudar na hora de definir o laudo? Obrigada

    1. NeuroSaber Responde

      Você pode procurar um neuropediatra que ele poderá indicar outros profissionais como fonoaudióloga, psicologo, psicopedagogo. Geralmente a avaliação de uma equipe multidisciplinar é o que fecha o diagnostico.

  3. minha dúvida como avaliar um aluno com deficiência intelectual e como fazer um relatório coerente a ser encaminhado ao psicologo e outros.

    1. NeuroSaber Responde
  4. BOA NOITE MINHA FILHA TEM SETE ANOS E FOI DIAGNOSTICADA AUTISTA E DEFICIENTE INTELECTUAL? PERGUNTO COMO POSSO AJUDA-LA E QUAIS SEUS DIREITOS.

    1. NeuroSaber Responde
  5. Muito obrigada, estou iniciando com meu projeto de pesquisa para Pós em Educação Especial, as informações foram extremamente relevantes para meu tema.

  6. Boa tarde, Gosto muito dos textos e vídeos de vocês. Me ajuda muito como pedagoga.

  7. Boa noite!
    Foi muito triste ouvi isso …porq meu filho tem deficiencia intelectual ele tem 12 anos , e ñ é fácil , sou criticada o tempo todo acham q ñ educo.

  8. BOM dia a todos.
    Meu filho tem 15anis 1.92mtr de altura,ele vem sofrendo muito com essa doença intelectual,pois vários professores já o chamaram de preguiçoso…e outras coisas que me machuca muito por dentro ao ouvir e ver essas pessoas julgando meu filho assim sem querer entender suas dificuldade do dia dia. Ele faz tratamento com neurologista psiquiatra psicológico, entrego laudos na escola e nada adianta,eu só acho que as escolas deveriam ser mais preparadas, para receber esses tipos de dificuldades.

  9. Bom dia!

    Adoro assistir os vídeos da Neuro Saber. Gostaria muito de receber materiais com sugestões (dicas e estratégias) de como trabalhar com estudantes (com dislexia, TDAH, autista, distúrbios de aprendizagem) entres outros, por e-mail. E assim poder contribuir com muitos docentes que sentem dificuldades de trabalhar com a inclusão no ensino comum.

    1. NeuroSaber Responde
  10. Bom dia. Tenho um aluno diagnosticado com deficiência intelectual leve. Segundo a mãe quem deu o diagnóstico não foi um neuro, mas a APAE da cidade. Perguntei a ela se fizeram exames neurológicos ou outros por médicos e ela me disse que não. Hoje ele está no terceiro ano do ensino médio, aprendendo a ler , com dificuldade. Esse tipo de diagnóstico pode ser dado apenas por psicopedagogo e psicólogos?

    1. NeuroSaber Responde
  11. Oi meu filho tem 13 anos a 2 anos levei ele a uma neuropediatra ela fez um mapeamento do cérebro dele e diagnosticou com Transtorno de aprendizagem e imperatismo. Gostaria de saber si isso é considerado uma deficiência intelectual ?

    1. NeuroSaber Responde
  12. Tenho um aluno de 4 anos 8 meses de idade , é a primeira vez que estuda, já conhece todas mais não conseguiu adquirir a habilidade para pintar e escrever ( coordenação motora péssima ) A criança também apresenta uma dificuldade na fala, não consegue pronunciar uma frase inteira. Gostaria de saber se essa criança tem condições de passar para o primeiro ano do ensino fundamental menor, ou se precisa ter um acompanhamento com algum profissional clinico ou pedagógico .

    1. NeuroSaber Responde
  13. Sempre excelentes os vídeos da NeuroSaber. Explicação clara e precisa, rica em seus conteúdos e conhecimentos, passada com simplicidade e sem termos técnicos exagerados, onde todos podem compreender, desde de mães á equipe especializadas. Sou grata por tal compartilhamento de conhecimento. Obrigada

    1. NeuroSaber Responde
      1. Gostei muito de tudo que li e gostaria de ter mais informaço~es sobre o Neuro saber pois vou dar aulas para crianças especiais que tal mandar para meu email mais informações Atenciosamente agradece Maria Josè de Souza (mazé)

        1. NeuroSaber Responde
  14. Olá a todos!Vídeo excelente a todo o entendimento da mundo da deficiência intelectual, sou mãe de um menino adolescente de 15 anos é só agora conseguimos fechar Laudo quanta luta até aqui.

    Exatamente aos 2 aninhos ele sempre demonstrou tudo que foi falado no vídeo, é só hoje através de uma AVALIAÇÃO NEUROPSICOLÓGICA ,foi possível fechar tal diagnóstico Deficiência intelectual Moderada. Fico pensando se 10 anos atrás se tivéssemos a informação que temos hoje não teria evitado está no grau moderado? Porque as equipes multidisciplinares não queriam dá laudo, não fechava e me pergunto área dos quinze era possível fechar?? Dr? Pois ele sempre teve QI Baixo, dificuldade em fazer pequenas coisas do dia dia se calça vestir escovar dentes dependete de tudo…..hoje pergunto ainda podemos estimular nesta idade?

    1. Suporte Neurosaber

      Olá Luciana , por questões de lei não fazemos nenhum tipo de orientação , mas indico que procure um profissional especializado para que possa avaliar e passa o tratamento a intervenção ideal para seu filho lembrando que muitos casos tem uma melhora significativa quando estimulado iniciado o tratamento .

  15. Meu filho tem 12 anos ele tem deficiência intelectual, gostaria de saber como trata-lo, como reagir na escola? O vídeo do Dr foi muito esclarecedor p mim.

  16. Olá,. Bom dia me chamo. Genicia tenho um filho com deficiência intelectual não, especificada ele tem 7 anos estamos com muita dificuldade em aceita . É vendo seu vídeo me ajudou a, aceita obrigada.

    1. Suporte Neurosaber
  17. Sou especialista em psicopedagogia e Educação Inclusiva com ênfase em Libras, no momento estou trabalhando com AEE – Atendimento Educacional Especializado.
    Vocês estão de parabéns com os esclarecimentos que trazem no site, tem me ajudado muito.

    Att. Divina Araújo

    1. NeuroSaber Responde

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *