Quais são os tipos de deficiência intelectual?

A deficiência intelectual é um transtorno de desenvolvimento caracterizado por um nível cognitivo baixo — QI abaixo de 70 — além de dificuldades significativas na vida diária, como autocuidado, segurança, comunicação e socialização.

Pessoas com deficiência intelectual — DI — podem processar as informações mais lentamente, ter dificuldade na comunicação, nas habilidades cotidianas e com conceitos abstratos. A deficiência intelectual pode ser causada por uma condição genética, problemas na gravidez e no parto, doenças e fatores ambientais.

A DI atinge em torno de 3 a 4% das crianças, que apresentam comportamentos abaixo do esperado para a sua idade cronológica, dificuldades de adaptação, na aprendizagem — demoram mais tempo para aprender o mesmo conteúdo — e em muitas situações do cotidiano por não conseguirem compreender sinais ou situações sociais.

Principais características da Deficiência Intelectual

As crianças com DI, além de apresentarem um nível cognitivo abaixo do esperado, são muito dependentes e necessitam de um adulto que as ajude a compreender algumas coisas. Também costumam evitar determinadas atividades, porque sentem dificuldade na compreensão e elaboração das mesmas.

A criança com deficiência intelectual demora mais para se alfabetizar e para aprender os conteúdos da escola. Além disso, podem ter dificuldade de interação social por não conseguirem acompanhar conversas e jogos com crianças da sua idade.

Um fator importante a ser avaliado é o risco de crises epilépticas, problemas de aprendizagem e dificuldades relacionadas como síndromes genéticas. Fatores comuns na deficiência intelectual que devem ser avaliados por um médico especialista.

Tipos de deficiência intelectual

Síndrome do X frágil

A síndrome do X frágil é a causa mais comum de deficiência intelectual em todo o mundo. É uma condição genética causada por uma mutação — alteração na estrutura do DNA — no cromossomo X.

As pessoas nascidas com a síndrome do X frágil podem experimentar uma ampla gama de dificuldades físicas, de desenvolvimento, comportamentais e emocionais. No entanto, a gravidade pode ser muito variada.

Alguns sinais comuns da síndrome do X frágil incluem: atraso no desenvolvimento, deficiência intelectual, dificuldades na comunicação, ansiedade, TDAH e comportamentos semelhantes ao autismo, como bater as mãos, dificuldade nas interações sociais, no processamento de informações sensoriais e falta de contato visual.

Síndrome de Down

A síndrome de Down não é uma doença, mas uma desordem genética que ocorre quando alguém nasce com uma duplicação do cromossomo 21 em seu DNA.

A síndrome de Down é o distúrbio genético cromossômico mais comum e a causa de distúrbios de aprendizagem em crianças. Pessoas com síndrome de Down podem ter características físicas e de desenvolvimento comuns, além de uma incidência maior que o normal de problemas respiratórios e cardíacos.

As características físicas associadas à síndrome de Down incluem: leve inclinação ascendente dos olhos, rosto arredondado e baixa estatura. As pessoas também podem ter algum nível de deficiência intelectual e de aprendizagem, mas isso varia muito em cada caso.

Atraso no desenvolvimento

Quando uma criança se desenvolve mais lentamente em comparação com outras da mesma idade, pode ser um sinal de atraso no desenvolvimento. Neste caso, uma ou mais áreas do desenvolvimento podem ser afetadas, incluindo a capacidade de locomoção, comunicação, aprendizagem e interação com outras crianças.

Às vezes, as crianças com atraso no desenvolvimento podem não falar e se comportar de maneira apropriada para a idade, mas podem progredir à medida que crescem. Para outros, o atraso no desenvolvimento pode se tornar mais significativo ao longo do tempo e afetar o aprendizado e a educação.

Síndrome do álcool fetal

A síndrome do álcool fetal refere-se a condições causadas pela exposição do feto ao álcool. Quando uma mulher está grávida, o álcool cruza a placenta da corrente sanguínea da mãe para a do bebê, expondo-o à concentrações semelhantes às da mãe.

Os sintomas podem variar, mas podem incluir características faciais distintas, deformidades das articulações, danos em órgãos como coração e rins, crescimento físico lento, dificuldades de aprendizado, falta de memória e discernimento, problemas comportamentais e habilidades sociais precárias.

Muitos casos são diagnosticados como autismo ou TDAH, pois os sintomas e sinais são semelhantes. A Organização Mundial da Saúde recomenda que as futuras mães ou as que planejam engravidar devem se abster completamente de álcool.

Causas ambientais e outras

Às vezes, a deficiência intelectual é causada por um fator ambiental ou outras causas, que  podem ser bastante variadas como:

  • Problemas durante a gravidez, como infecções virais ou bacterianas.
  • Complicações no parto.
  • Exposição a toxinas como chumbo ou mercúrio.
  • Doenças como meningite, sarampo ou tosse convulsa.
  • Desnutrição.
  • Exposição ao álcool e outras drogas.
  • Trauma e outras causas desconhecidas.

Aos primeiros sinais de deficiência intelectual, os pais devem procurar um médico, pois quanto antes for diagnosticada, mais efeito terá o tratamento. 

Restou alguma dúvida sobre os tipos de deficiência intelectual? Deixe nos comentários.

 

Referências:

DIAS, Sueli de Souza  e  OLIVEIRA, Maria Cláudia Santos Lopes de. Deficiência intelectual na perspectiva histórico-cultural: contribuições ao estudo do desenvolvimento adulto. Rev. bras. educ. espec. [online]. 2013, vol.19, n.2 [citado  2020-07-10], pp.169-182. 

TÉDDE, Samantha. CRIANÇAS COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL: A APRENDIZAGEM E A INCLUSÃO. Disponível em: https://unisal.br/wp-content/uploads/2013/03/Disserta%C3%A7%C3%A3o_Samantha-T%C3%A9dde.pdf

Compartilhe este artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *