Quando realizar uma avaliação fonológica?

A avaliação fonológica é um processo no qual o terapeuta vai investigar a existência de alguma desordem nesse aspecto humano responsável pela habilidade da linguagem. A partir do diagnóstico, o profissional tem diante de si alguns objetivos que podem elucidar o porquê desse estudo com o caso apresentado por algum paciente. Confiram abaixo quais são eles

Quais são os objetivos da avaliação fonológica?

– O objetivo primordial da avaliação fonológica é tentar identificar a incidência da desordem fonológica na vida da criança;

– O próximo passo é determinar as recomendações para o controle da desordem que fora diagnosticada e, assim, encaminhar o paciente ao devido acompanhamento do terapeuta;

– Além das etapas acima, outro objetivo é pensar nos parâmetros que serão seguidos pela intervenção proposta (considerando a necessidade do pequeno, ou seja, quais são os pontos que precisam ser trabalhados);

– O último objetivo consiste em acompanhar de perto a evolução manifestada pela criança durante e após o tratamento oferecido a ela.

Avaliação fonológica e os parâmetros a serem seguidos

Estudos indicam que a avaliação fonológica é muito importante para determinar de forma efetiva o diagnóstico de algum distúrbio. No entanto, esse processo deve se pautar em algumas etapas, a saber: análise do contexto vivenciado pela criança, amostras de fala encadeada e estímulos para avaliar o nível de linguagem que o paciente demonstra. O profissional que lida com a comunicação, mais precisamente o fonoaudiólogo, pode encontrar na avaliação fonológica uma forma de terapia eficiente.

Quando realizar uma avaliação fonológica?

Esta pergunta é importante, pois depende muito da observação dos pais e dos demais responsáveis pelo pequeno. Bom, antes de falar qual o momento exato de levar a criança a uma consulta, é necessário saber a evolução de sua aquisição lexical.

Esse processo pode ser visto como o início e o desenvolvimento do vocabulário adquirido pela criança. Vale lembrar que o ambiente influencia consideravelmente tal aspecto. Além do contexto vivido, as habilidades cognitivas do pequeno também exercem grande poder na aquisição lexical demonstrada pelo paciente.

A avaliação fonológica pode ser realizada a partir do momento em que os pais notam uma dificuldade da criança em desenvolver a fala. Mas não é uma missão muito fácil, uma vez que na primeira infância, o pequeno geralmente passa por fases de desenvolvimento na linguagem.

É preciso que os adultos observem atentamente a forma que as crianças lidam com a linguagem. Não nos referimos aos erros de pronúncia, uma vez que eles ainda estão na fase de aprendizagem (embora seja importante mostrar a forma correta de falar uma palavra).

Quando o pequeno está no processo de aquisição lexical, ele pode cometer os chamados desvios de semântica. Isso ocorre porque a criança, nessa fase, ainda não tem de forma organizado o grupo de traços de significação que seja capaz de diferenciar a utilização de uma palavra em relação a outra nos variados contextos.

Uma informação interessante é que na própria escola o aluno que apresenta alguma desordem fonológica começa a ser notado pela professora. Afinal, o contato diário com o pequeno e a observação são fatores que possibilitam a percepção de que algo precisa ser analisado com mais atenção em tal habilidade demonstrada pelo estudante.

Portanto, se os educadores perceberem alguma desordem, é imprescindível que os pais sejam informados. Essa troca de comunicação pode agilizar e possibilitar uma intervenção que seja propiciada pela avaliação fonológica.

O profissional de fonoaudiologia e a avaliação fonológica

O fonoaudiólogo é um terapeuta que tornará possível a aplicação de intervenções que possibilitem o pequeno a lidar com sua linguagem. Além disso, o especialista trabalha as potencialidades da comunicação devidamente apresentadas pelo paciente; e o profissional também vai agir de forma pontual a fim de desenvolver a habilidade da criança.

 

 

 

Compartilhe este artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *